desMOROnando

*Por Luiz Fernando Leal Padulla

Volto a bater na tecla: acusar todos podem, desde que apresentem provas!

O ser mais ignóbil é capaz de acusa via delação e dizer que “destruiu as provas”. Mas é no mínimo intrigante que tenha esquecido de destruir as provas que justamente o comprometeu!

Assim, é cada vez notório e escancarado que o que o juiz (?) Sérgio Moro está fazendo com Lula, é uma perseguição pessoal.

Como bem discursou Luigi Ferrajoli no parlamento italiano: Isso nos lembra da figura do juiz inquisidor, descrita por Beccaria, ou seja, ‘quando o juiz se torna inimigo do réu, e se atormenta, e receia perder o jogo, se não consegue comprovar uma acusação’.

(Discurso completo aqui: http://www.ocafezinho.com/2017/04/20/exclusivo-o-antologico-discurso-de-ferrajoli-contra-sergio-moro-e-o-impeachment/)

18301711_427932727586086_5355377107704486612_n.jpg

Assim, desMOROna-se a parcialidade e a verdadeira justiça do “inquisidor Sérgio Moro”, justamente quando seus abusos são frequentes, e usa da mídia golpista e igualmente tendenciosas, para manipular os fatos, omitir outros tantos, e condenar SEM PROVAS!

Moro faz de si, um juizeco midiático, populista, aquém da verdadeira justiça.

E como dizem, se fazem isso com Lula (o melhor e maior ex-presidente do Brasil, um estadista de reconhecimento e respeito mundial), imaginem o que esse tipo de “Justiça” não poderá fazer conosco, meros mortais!

*Professor, Biólogo, Doutor em Etologia, Mestre em Ciências, Especialista em Bioecologia e Conservação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s