A renúncia de Cunha: cortina de fumaça

*Por Luiz Fernando Leal Padulla

Enquanto Eduardo CÚnha forçava seu choro e os noticiários se voltavam para a patética cena, pouca atenção se dava ao avanço, na Câmara dos Deputados, do Projeto de Lei 4.567/16, de autoria do senador José Serra (PSDB) – atual ministro das Relações Exteriores do governo golpista – que retira a obrigatoriedade da Petrobras participar da extração de petróleo da camada pré-sal. O mesmo pré-sal que bateu novo recorde recentemente ao gerar produção de 1,1 milhão de barris diários. Segundo a Agência Nacional de Petróleo, a produção em águas profundas na Bacia de Santos já representa 30% do total nacional. O mesmo pré-sal que garantiria investimentos na educação, saúde e meio ambiente através de seus lucros.

Mais uma mostra do que havia sido previsto antes do impeachment (leia-se GOLPE) da presidenta: querem usurpar o poder para entregarem o pré-sal aos interesses estrangeiros. O site Wikileaks vazou documentos que comprovam a dívida de Serra, ao prometer em 2009 que sendo presidente (eleição que perdeu em 2010), garantiria a mudança das regras em favor do interesse das petroleiras americanas (escrevi um post sobre isso: https://biologosocialista.wordpress.com/2016/01/11/o-que-ha-por-tras-do-golpe/).

brasil 247 com
Crédito: brasil247.com

Não se enganem. O choro de CÚnha foi uma cortina de fumaça. Suas lágrimas de crocodilo não enganam: tudo faz parte de uma armação para enganar os cidadãos e desviar o foco dos reais acontecimentos.

O sujeito que fez o que fez com o país (e ainda faz!), renuncia em clara atitude de tentar fugir da cassação de seu mandato – ainda podendo ser salvo com manobras do presidente interino-golpista, Michel Temer.

Ao ler sua carta, se fez de vítima, citou sua esposa (igualmente envolvida em corrupção) e filha, querendo sair como herói nacional por ter aceitado o tal pedido de impeachment – pedido este que se já comprovou ser ilegal, pois não houve nenhum crime de responsabilidade por parte da presidenta Dilma, conforme testemunhas provaram na comissão do Senado. O deputado do PMDB só acatou o pedido porque Dilma não aceitou sua chantagem de livrá-lo das investigações que em sua porta batiam. Como represália, tomo a inescrupulosa atitude.

E pensar que este mesmo senhor, usa corriqueiramente o nome de Deus em vão. Sendo tão religioso e reto como diz ser, deveria saber que “proferir o nome de Deus em vão” é um grave pecado. Mas talvez não se importe, afinal, “não roubarás” parece também não fazer parte dos mandamentos que se diz seguidor.

O golpe está em curso. Políticos e partidos de oposição proferiram mentiras e arrebanharam o povão às ruas, com o discurso falacioso de buscar o fim da corrupção e um país melhor. No entanto, a cada novo vazamento, e a cada nova delação, os objetivos reais deste golpe estão vindo à tona: a entrega do Brasil e acabar com as investigações. Investigações estas que apontam, mais do que nunca, aos políticos da oposição ao governo Dilma.

Cunha-e-tucanos

Delações mostrando envolvimento de Aécio Neves e vários hipócritas do PSDB, assim como parlamentares do PMDB, DEM, Solidariedade e por aí vai. Temer, Cunha, Jucá, Aloysio Nunes, José Serra e até FHC! Basta olharem o bando de papagaios de pirata ao lado de Eduardo Cunha (foto abaixo). Acha mesmo que foi mera coincidência? Lá estavam Carlos Sampaio, Vanderlei Macris (vergonha para Americana!) e toda a trupe, junto com o moleque da farsa chamada MBL – o mesmo movimento que se dizia apartidário, mas que recebeu financiamento do PSDB, PMDB, DEM e SD.

Abramos os olhos e lutemos pelo país! Você que pediu “Fora Dilma”, bateu panela contra a corrupção, tenho certeza que está arrependido e com vergonha de ter sido manipulado pelos verdadeiros corruptos. Como dizem por aí, a mentira tem perna curta e no final das contas, a verdade sempre vem à tona!

*Professor, Biólogo, Doutor em Etologia, Mestre em Ciências

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s