A “fosfo” e a indústria farmacêutica

*Por Luiz Fernando Leal Padulla

Ao ler a notícia de que o Supremo Tribunal Federal havia decidido pela suspensão da lei que permite o uso da fosfoetanolamina sintética (a chamada “pílula do câncer), só pude lamentar. Não vou entrar no mérito jurídico. Serei mais racional e humano em minha análise.

A tomada do poder por um “presidente” golpista e interino, com clara visão conservadora e elitista, justifica a canetada. Tal como pretende fazer com o Pré-Sal e as reservas de nióbio, Temer e cia. desejam única e exclusivamente agradar o capital estrangeiro, pouco (ou quase nada) se importando com o país e seus cidadãos.

Não à toa nomeou José Serra (PSDB) como ministro das Relações Exteriores, uma vez que desde 2009 este mesmo senhor havia prometido a “entrega” do Pré-Sal aos interesses norte-americanos. (Ah! E não se deixe enganar pela falácia de que a Petrobrás só traz prejuízo, é mais uma inverdade para tentar manipular a opinião em massa. Veja abaixo).

Federação Unica dos Petroleiros
Fonte: Federação Única dos Petroleiros (FUP)

Ronaldo Caiado (DEM) como ministro da Agricultura é outro exemplo lastimável, uma vez que é defensor de grandes latifúndios, contrário a reforma agrária, favorável ao uso de agrotóxicos e transgênicos (que abasteceria as grandes corporações detentoras das patentes e produtos químicos) e defende o fim das licenças ambientais para as obras públicas. Só para citar dois exemplos.

Isso clareia e expõe a verdade por trás da suspensão da “pílula do câncer”. As indústrias farmacêuticas, de capital estrangeiro, não lucrariam com essa medida liberada. Ao liberar seu uso, a presidenta Dilma foi contra isso, preservando os interesses dos doentes, mas pouco tempo durou a lei.

Por mais que se alegue que “não há indícios da real eficiência do composto no combate ao câncer”, ao julgar a ação direta de inconstitucionalidade protocolada pela Associação Médica Brasileira (AMB), o STF mostra-se cúmplice de tamanha desumanidade.

Pensem, amig@s, no desespero de pacientes e familiares que poderiam ter nesta substância, uma esperança a mais de vida. Estudos são necessários sim! Mas já existem evidências de sua eficácia – é expressivo o aumento da sobrevida e o controle do crescimento tumoral. Não se deixem enganar por mais esse falso moralismo.

Para esses “cientistas” e “médicos” (os mesmo que fizeram o juramento de Hipócrates: “…vida que professar será para benefício dos doentes e para o meu próprio bem, nunca para prejuízo deles ou com malévolos propósitos…”), faço uma pergunta simples: se fosse com seus familiares, de que lado estariam?

Em tempo: para quem ainda não leu, recomento dois posts que abordo a questão das corporações e sua falsa demagogia:

Os casos envolvendo a Monsanto e outras corporações: https://biologosocialista.wordpress.com/2016/01/13/os-casos-envolvendo-a-monsanto-e-outras-corporacoes/

O veneno continua sobre a mesa: https://biologosocialista.wordpress.com/2016/02/13/o-veneno-continua-sobre-a-mesa/

*Professor, Biólogo, Doutor em Etologia, Mestre em Ciências, Especialista em Bioecologia e Conservação

SerraPreSalRiceAraujo

Links:

SERRA PROMETEU À CHEVRON MUDAR REGRAS DO PRÉ-SAL. Disponível em: http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/93008/Serra-prometeu-%C3%A0-Chevron-mudar-regras-do-pr%C3%A9-sal.htm

Petrobras bate recorde de produção e extrai petróleo do pré-sal a 8 dólares. Disponível em: http://cartacampinas.com.br/2016/01/petrobras-bate-recorde-de-producao-e-extrai-petroleo-do-pre-sal-a-8-dolares/

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s